Caldeirão do Diabo - 25/02/2019

Por Maria Clara 25/02/2019 - 00:58 hs

SUSTO
Moradora de São Paulo teve um tremendo susto. No metrô, deparou-se com o Lula e não acreditou no que estava vendo. Apesar de ver, não acreditou na sua visão: “Lula no metrô de São Paulo!”. Passado o susto, a moradora começou a analisar o que seus olhos viam. Pouco depois, após análise, a moradora se acalmou ao notar que a figura era apenas um sósia, pois teve a certeza ao notar que o sósia tinha os dez dedos!

BATE  E  ASSOPRA
Tem gente utilizando a velha prática jornalística do bate e depois assopra. No entanto, nos dias atuais, a coisa não está funcionando a contento, pois mesmo os que não são da área da comunicação percebem a jogada, passando então a notícia a não ter crédito. A notícia que bate e a que assopra perdem credibilidade.

ENQUETE  (1)
Nesta semana, no “face”, fizemos enquetes para aquilatar os nomes mais citados, tanto para prefeito, quanto vice e vereadores. Como resultado alguns nomes despontaram e outros foram menos citados. No entanto, a coisa vai ficar mais complicada quando das eleições.

ENQUETE  (2)
Nas eleições de 2.020, não haverá a possibilidade de coligações entre os partidos para eleição de vereadores. Ou seja. Cada partido deverá alcançar o número de votos suficientes para eleger o vereador. Explicando: o vereador Fabiano de Lima, do PROS, se deixar a cadeira para assumir a Secretaria de Esportes, o seu lugar será ocupado pelo suplente Sidnei Guerreiro, do PRB, graças à coligação havida nas últimas eleições e que a partir de 2.020 não mais ocorrerá.

ENQUETE  (3)
Diante da proibição das coligações para a eleição proporcional, importante que partidos tenham em suas fileiras, nomes com grande potencial de votos para garantir a eleição de um ou mais vereadores. Assim, as chapas dos candidatos deverão ser feitas com uma análise profunda e séria dos eventuais candidatos, inclusive com o estudo de como ele é visto pela população, inclusive no seio de seu reduto eleitoral.

ENQUETE  (4)
No mais, segundo dados estatísticos, o candidato a prefeito nas eleições de 2.020, deverá ter no mínimo o apoio de 6 partidos. Se não houver fechado o apoio deste número de partidos, melhor nem se lançar candidato.

ENQUETE  (5)
Por fim, eventuais candidatos a prefeito nas próximas eleições, deverão ter pesquisas isentas e não pagas ou patrocinadas, que apontem para que tenham mais de 30 mil votos. Caso contrário, a chance de sucesso será mínima, para não dizer impossível. Esta é a realidade.

RETORNO
Não é um dado obtido através de enquetes ou pesquisa, mas os conhecedores da política local, entendem que dos atuais 11 vereadores, apenas três ou no máximo 4 serão reeleitos.

VIAGEM
Muita gente curiosa para saber o que o prefeito Saulo e sua equipe trarão para Atibaia, após a visita em Portugal e Espanha, tanto dos conhecimentos a respeito das chamadas “cidades inteligentes”, como Sant Cugat, na Espanha, bem como a receptividade do nome Atibaia diante dos investidores na Câmara de Comércio Brasil-Catalunys. Saulo deverá estar em Atibaia na quinta-feira, dia 28.

ABACAXI  (1)
A Prefeitura está tentando descascar o abacaxi, criado com o protocolo da empresa SOU ATIBAIA, com pedido de reajuste nas passagens do transporte coletivo. É certo que a concessionária tem direito de pedir reajuste e para tanto apresentou planilhas que justifiquem o aumento pleiteado de 22,5%, passando o valor da passagem de R$ 4,00 para R$ 4,90, apesar das críticas da população quanto à qualidade do serviço prestado, como o estado dos ônibus e as constantes quebras dos coletivos.

ABACAXI  (2)
Agora, com os dados fornecidos pela empresa SOU ATIBAIA em busca do equilíbrio tarifário, a Prefeitura inicia o processo de fiscalização do contrato, com a Secretaria de Administração e com a formação de um grupo de trabalho que passará a proceder a fiscalização da empresa “in loco”, desde sua sede e oficina, bem com a fiscalização dos ônibus, que será feita em meio ao trajeto dos coletivos.

MAQUIAVEL
A alma de Maquiavel deu uma chegadinha no Caldeirão e pediu para se colocar o seguinte recado retirado das páginas do livro “A Arte da Guerra”, do general chinês Sun Tzu: “Quem quer que seja, desejando executar operações militares em qualquer ponto do país, deverá conhecer profundamente todo o país. Iniciar uma campanha sem tal conhecimento corresponderá a cortejar a derrota, seja a operação ofensiva ou defensiva”.