CALDEIRÃO DO DIABO - EDIÇÃO 18/06/2016

CALDEIRÃO DO DIABO - EDIÇÃO 18/06/2016

Por Maria Clara 18/06/2016 - 08:00 hs
Foto: Atibaia Hoje

Quando da inauguração do escritório político do deputado federal Herculano Passos e do deputado estadual Edmir Chedid, marcaram presença o empresário Sérgio Mantovaninni e o prefeito Mário Inui

A jornalista Maria Clara Teixeira Gonçalves marcou presença na inauguração do escritório político de Herculado Passos e Edmir Chedid

Deputado estadual Edmir Chedid e Walter do SBT, que está filiado ao Democratas. Fica a pergunta: Walter do SBT é pré-candidato à vereança?

 

FRASE
A DIFERENÇA ENTRE O ERRO E A FRAUDE ESTÁ NA INTENÇÃO.”

RACHA (1)
Toda história tem três versões e esta iminência de racha também tem versões: a versão do Saulo, a versão do Mario e a versão verdadeira.

RACHA (2)
Desde quando Saulo foi afastado por liminar - medida que entendemos extremada - mas decisão judicial não se discute, se cumpre e se for o caso se recorre - passou a ocupar uma casa na Rua Adolfo André. Com o passar dos dias, Saulo foi caindo em um ostracismo político, por não circular pela cidade. Aliás, Jesus Chedid - o maior político da região - disse a Saulo que ele deveria andar pela cidade e ter contato direto com os munícipes, e revelar a todos o seu lado dos fatos que culminaram com seu afastamento.

RACHA (3)
Este seu afastamento da população passou a deixar um espaço vazio e todos sabem que a política não admite espaços vazios e que logicamente passou a ser ocupado pelo vice Mario Inui, que mesmo sem ter uma liderança, passou a desfrutar da simpatia da população, pela sua humildade, pois a humildade é que torna o homem grande.

RACHA (4)
Por outro lado, inconformado com seu afastamento do comando do Executivo, Saulo passou a tentar exercê-lo à distância, entrando em choque com a visão política de Mario, que pouco a pouco foi se distanciando de Saulo, pois se sentia tolhido no comando da cidade.

 

RACHA (5)
Enclausurado em certa casa da Rua Adolfo André, Saulo foi perdendo a sensibilidade da política local, afastando força políticas e tentando formar um grupelho com partidos sem representação e expressão na política da cidade. Saulo - com certeza sem nenhum conselheiro político para lhe dizer verdades que devem ser ditas - se cercou que amigos que politicamente nada representam em termos de votos. Saulo trocou o apoio de partidos fortes - com elevado número de vereadores - por partidos chegados na última hora.

 

RACHA (6)
Por ora, independentemente do desfecho da liminar que Saulo busca no Supremo Tribunal Federal, deve decidir se será candidato ou não - pois seu afastamento não o impede de disputar as eleições. Se decidir buscar as urnas, deverá refletir com que apoios que poderá contar. Se decidir ficar à margem da disputa eleitoral, de bom alvitre, que busque se colocar ao lado de um grupo dando o seu apoio. Caso contrário, todo trabalho, todas as obras nos quatro cantos da cidade, todas as creches construídas, em pouco tempo passarão a ser esquecidas.

 

RACHA (7)
Caso Saulo decida buscar a reeleição e entenda que não há mais condições de formar uma dobradinha com Mario, que o diga de forma explícita e explique para a população, pois na vida nada é para sempre.

 

RACHA (8)
Por seu lado, Mario Inui se mostra a cada dia mais ressentido com Saulo, pois Mario entende que Saulo busca interferir no comando da Prefeitura, sem ao menos consultá-lo. Até hoje, Mario ainda não fez o uso da caneta para assinar exonerações que julga necessárias, mas poderá decidir a qualquer momento.

 

RACHA (9)
Mario entende, que apesar de afastado, Saulo poderia trocar ideias com ele, uma vez que na verdade nua e crua, os dois foram os vencedores nas últimas eleições municipais. Mario pretende trocar alguns assessores, algo inadmissível para Saulo, que mesmo à distância pretende continuar a dar ordens no Executivo.

 

RACHA (10)
Graças a este distanciamento, Mario Inui resolveu ser pré-candidato a prefeito, mesmo sabendo que poderá não ter apoio da sua legenda que é o PROS, mas Mario está recebendo recados de apoio de fortes partidos políticos, mas que aguardam uma posição firme de Mario, que mostre que realmente sentou-se na cadeira de prefeito.

 

RACHA (11)
Estes fortes partidos políticos comentaram que se Mario se posicionar como prefeito de fato - pois de direito ele já é - passarão a apoiá-lo de forma explícita e se necessário, dificuldades em ver seu nome apoiado na convenção, poderão ser resolvidas não aqui em Atibaia, mas lá em São Paulo, onde as coisas acontecem e lá são decididas.

 

RACHA (12)
Mario também não se contenta em ter um líder do prefeito na Câmara Municipal, o vereador Lucas Cardoso que pertence ao PSB - partido do Saulo. Mario gostaria de ter um líder filiado ao seu partido, no caso o vereador Emil Ono - vereador de larga experiência e com livre trânsito no meio político da cidade.

 

RACHA (13)
Diante destas amarras colocadas em seu desempenho, Mario entende que não há mais condições de disputar eleições ao lado do Saulo, o que o força a seguir adiante, tanto como pré-candidato a prefeito quanto a vice. Na verdade pode candidatar-se a prefeito ou a vice, mas não a vereador.

 

RACHA (14)

Diante dos fatos acima narrados, se nota que o racha entre Saulo e Mario é claro e deverá acontecer a qualquer momento. Por um lado Saulo tentando segurar o poder e em outro Mario tentando desempenhar as sua funções de chefe do Executivo.

 

A VERDADE
Os reais motivos do racha entre Saulo e Mario só serão conhecidos com o passar do tempo, mas uma coisa é certa: “Nada fica enterrado para sempre, nem a verdade”.

 

GRANA
A Ana Paula - pré-candidata a prefeita pelo PMN - deve estar com grana saindo pelo ladrão, pois enquanto os outros eventuais pré-candidatos a prefeito estão na moita por diversos motivos, Ana Paula faz filmagens em vários pontos da cidade, cercada de assessores. E ela está certa, pois a política não admite espaços vazios.

 

ILUMINAÇÃO
Em 17 de maio teve início a execução do contrato emergencial de iluminação pública. Hoje, após um mês, o nível de reclamações pendentes caiu para 1%, pois as reclamações pendentes eram de 22.000 e hoje são apenas 220.

 

BOATARIA
Nesta época é enorme a proliferação de boatos. Um deles diz que em Atibaia já houve uma delação premiada. Lava Jato aqui. Era o que faltava!

 

CANDIDATOS
Muita gente perguntando quantos são os pré-candidatos a prefeito e a resposta é muito simples: Só Deus sabe, se é que sabe!

 

DICA
Se em Atibaia a movimentação está lenta à espera das convenções que irão decidir os nomes dos candidatos a prefeito, vice e vereadores, em São Paulo, em algumas executivas estaduais a coisa está pra lá de quente.

 

MAQUIAVEL
A alma de Maquiavel deu uma chegadinha no Caldeirão e pediu para se colocar o seguinte recado retirado das páginas do livro “A Arte da Guerra”, do general chinês Sun Tzu: “Na guerra, vencerá aquele que tiver aprendido o artifício do desvio. Tal é a arte da manobra”.