CONSELHO DO IDOSO HOMENAGEOU REPRESENTANTES DO SAMBA, DO COMÉRCIO E DAS LUTAS PELA TERCEIRA IDADE

Autoridades do Executivo e do Legislativo participaram do evento

Por Maria Clara 03/11/2019 - 21:38 hs

CONSELHO DO IDOSO HOMENAGEOU REPRESENTANTES DO SAMBA, DO COMÉRCIO E DAS LUTAS PELA TERCEIRA IDADE
Romilda Conceição da Silva, a querida “Roma” foi uma das homenageadas
O Conselho Municipal do Idoso realizou sua reunião mensal na manhã desta terça-feira, 29 de outubro, no plenário da Câmara Municipal. Sob a coordenação do presidente Augusto Luppi, foram homenageados com o Diploma de Notável de Atibaia: Nilse Fraia, que foi do CMI; Aureliano Simões, comerciante tradicional; Romilda Silva (a Roma) e Roberto Franco, lideranças ligadas ao mundo do samba. O presidente da Câmara, Sebastião Batista Machado, o prefeito Saulo Pedroso, o vice-prefeito Emil Ono e o vereador Marcos Pinto de Oliveira, o Marcão do Itapetinga, participaram do evento.

A homenagem começou com Nilse Fraia, que foi presidente do Conselho do Idoso entre 2004 e 2013. Também participou do Conselho Municipal da Mulher e do Conselho Municipal da Cidade. Nascida em Mococa (SP), Nilse trabalhou na Secretaria de Estado da Saúde e mudou-se para Atibaia após a aposentadoria.

Aureliano Simões, português de Coimbra, chegou no Brasil em 1952. Casado com Maria José Alves, foi feirante e dono de lojas em Atibaia e participou ativamente de entidades como o Grêmio Esportivo Atibaiense, o Clube Recreativo Atibaiano, a Associação Comercial e o Clube da Saudade, que ajudou a fundar.

Romilda Conceição da Silva, a querida “Roma”, é embaixatriz do samba no Carnaval de Atibaia. Começou como passista das Escolas de Samba Botafogo e Mocidade da Vila de Atibaia em 1972. Em 1973, foi convidada a participar da Ala Show da Escola de Samba Rosas de Ouro de São Paulo. Foi homenageada pela Escola de Samba de Ubatuba e Bragança Paulista, quando jogadores de futebol se fantasiaram de “Rominha”. Foi homenageada na Incubadora dos Artistas como Dama do Samba de Atibaia.

Roberto Franco é embaixador do samba no Carnaval de Atibaia. Começou como ritmista na bateria de escola de samba em 1958, seguindo por todas as escolas de Atibaia. Em 1972, em 1973 e 1974, foi campeão na Escola de Samba Mocidade da Vila onde reinou como mestre-sala, ao lado da então porta-bandeira, sua prima Diva.