Segunda, 04 Mar 2024

Prefeitura de Atibaia reforça combate à dengue em meio a aumento de casos

Assim como outras partes do país, Atibaia registrou aumento de casos de dengue neste começo de ano e está reforçando o combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus, com ações permanentes de visitas casa a casa, inspeção a pontos estratégicos e recomendações à população para que vistorie locais e objetos que possam acumular água e se tornar um criadouro do mosquito.

Nos primeiros 15 dias de 2024 Atibaia tinha 29 casos positivos da doença, em comparação a 6 no mesmo período do ano passado, e está no nível de "Alerta" na classificação dada pelo levantamento de índice larvário, realizado na primeira quinzena de 2024. Até o dia 24 de janeiro, eram 50 casos confirmados.

Ações da Prefeitura
Com o período de calor e as chuvas - condições climáticas mais favoráveis à proliferação do Aedes - a Secretaria de Saúde reforça a importância das vistorias de prevenção e controle desenvolvidas pelos agentes para garantir a segurança. É fundamental que os moradores liberem a entrada dos agentes, que estarão uniformizados, em suas residências para vistoriar eventuais focos do mosquito da dengue.

Além das visitas casa a casa, os agentes de endemias fazem inspeções a locais estratégicos, com maior risco de criadouros de mosquito como borracharias, sucatas e reciclagens, e atuação de bloqueio em locais de casos positivos.

O que os moradores devem fazer?
O controle do vetor Aedes aegypti é o principal método para a prevenção e controle para a dengue e outras arboviroses urbanas (como Chikungunya e Zika). Por isso, a Prefeitura orienta os moradores para que deixem garrafas viradas para baixo e evitem água parada em qualquer recipiente, como vasos de plantas, tampinhas de garrafas, bebedores de animais e ralos, entre outros. Atenção aos vasos de plantas, que continuam sendo o tipo de recipiente onde mais os agentes encontram larvas em suas vistorias.

Denúncias de possíveis focos de dengue podem ser registradas na Ouvidoria Municipal pelo telefone (11) 4418-7800, Ouvidoria da Saúde (11.4414-3344 / ouvidoriasus@atibaia.sp.gov.br ), Ouvidoria do SUS (136) ou pela plataforma digital "Atibaia Sem Papel", disponível no site da Prefeitura ( https://atibaia.1doc.com.br/atendimento ) e pelo aplicativo 1doc atendimento.

Sintomas
Também é importante ficar atento aos sinais e sintomas da dengue e procurar assistência se houver suspeita da doença. Entre os principais sintomas da dengue estão: febre alta, dor de cabeça, cansaço, dor atrás dos olhos e nas articulações, perda do paladar e apetite, manchas e erupções na pele, náuseas e vômitos. A forma grave da doença inclui dor abdominal intensa e contínua, náuseas, vômitos persistentes e sangramento de mucosas.

Veja mais notícias sobre Atibaia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 04 Março 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.atibaiahoje.com.br/