Sábado, 28 Maio 2022

Prefeitura de Atibaia avança com projeto para construção de habitações no Caetetuba

Os projetos habitacionais seguem avançando em Atibaia! Em maio deste ano, o prefeito Emil Ono assinou a transferência de um terreno da Prefeitura, localizado no Caetetuba, para a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano – CDHU do Estado de São Paulo. Pelo formato de acordo anterior, as 243 unidades habitacionais seriam produzidas e financiadas pela Caixa Econômica Federal mas, para dar mais agilidade, passarão a ser construídas pela CDHU. No momento, a Prefeitura aguarda autorização do Governo Estadual para iniciar o processo de cadastro habitacional da população interessada em adquirir suas moradias. A expectativa é mantida para o primeiro semestre de 2022.

A Secretaria Municipal de Habitação preparou a documentação e manteve, ao longo do ano, contatos regulares com a equipe técnica da Secretaria Estadual da Habitação. As 243 unidades habitacionais de Atibaia serão construídas pela companhia dentro das novas diretrizes da Política Habitacional do Estado, estabelecidas recentemente. O novo formato da modalidade Nossa Casa – CDHU já está em funcionamento em diversos municípios paulistas.

A ordem de início de serviços do projeto é expedida e, na sequência, as etapas da construção dos conjuntos habitacionais são iniciadas. Na evolução das fases, são realizadas as edificações das casas. Esses projetos incluem a urbanização de lotes com pavimentação e implantação de água, esgoto e outros itens.

A construção de 243 unidades habitacionais no Caetetuba é um compromisso assumido pela gestão do prefeito Emil Ono. O objetivo é avançar com a Política Habitacional do Município, aliada aos objetivos estaduais sobre a qualidade de vida da população e da retomada econômica das cidades – no contrafluxo da pandemia – gerando emprego, renda e transformando a vida de diversas pessoas.

Com a missão de enfrentar o deficit habitacional e proporcionar uma vida mais digna à população de Atibaia, a Prefeitura também articula a construção de 400 unidades habitacionais no Jardim Colonial, entre outras ações, como a regularização fundiária de diversos loteamentos, fontes de financiamento para a renovação do Plano Municipal de Habitação e ampliação na participação dos programas habitacionais do Estado.

Veja mais notícias sobre Atibaia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 29 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.atibaiahoje.com.br/